3 dicas na hora de escolher lâmpadas e luminárias

0
1156

A iluminação de uma casa não cumpre apenas o papel de deixar os ambientes claros. Ela também assume a função decorativa, além de aliar estética e funcionalidade através de lâmpadas, luminárias e pendentes. As luzes tornam os espaços mais agradáveis, aconchegantes e relaxantes, a depender do propósito do espaço. Como se não bastasse, ajudam a situar as pessoas no ambiente e facilitar a localização, melhorando assim o campo visual.

No mercado existem várias opções de iluminação e os sistemas luminotécnicos são muito diversificados. Diante de tantas opções, é bem possível que você fique confuso e para te ajudar na missão, listamos algumas dicas para escolher a lâmpadas e luminárias perfeitas para sua casa. Vem ver!

Considere o uso do espaço

Como a iluminação deve ser funcional, antes de comprar lâmpadas e luminárias, avalie o tamanho, estilo e o propósito do espaço. É uma sala de TV? É um quarto? É uma cozinha? É uma sala de Estar? A luz ideal para cozinhar, por exemplo, não é a mesma luz adequada para receber as visitas. É importante considerar também se há idosos na residência, pois quando existem moradores da terceira idade, a casa precisa ser mais iluminada.

Conte com a ajuda de profissionais

Se possível, encomende um projeto luminotécnico com engenheiros ou arquitetos, pois isso facilita na hora da compra das lâmpadas e luminárias, além de ajudar a definir se a iluminação indireta ou direta é a melhor opção. Caso não dê, faça um esboço do que você quer, tire as medidas do ambiente e peça orientação dos próprios vendedores. Pergunte sobre a durabilidade das lâmpadas, procure saber sobre os diferenciais das luminárias e peça informações sobre o consumo.

Conheça os tipos de lâmpadas e luminárias

Existem vários tipos de lâmpadas e luminárias disponíveis no mercado e é preciso conhecê-las para acertar na escolha. As mais comuns são as seguintes:

  • PAR20, PAR30 e dicróicas – Usadas para a iluminação geral dos ambientes.

  • AR48, AR70, AR111 e minidicróicas – Usadas para fins decorativos e para dar destaque aos objetos.

  • Fluorescentes – Usadas para uma iluminação mais difusa e indicadas para lugares que precisam de muita luz, como cozinhas e escritórios.

  • Lâmpadas de LED – Mais econômicas e duráveis que as lâmpadas halógenas, apesar do custo de aquisição ser maior.

  • Luminárias – Existem luminárias rústicas, de tecido, de papel, de acrílico, de cristal. Ao escolhê-las, é preciso considerar o estilo do ambiente.

  • Fitas de LED – Esse sistema inovador de iluminação pode ser aplicado diretamente em sancas.

Dicas extras para escolher as lâmpadas e luminárias certas

  • Defina um limite para ser gasto com iluminação e, se for preciso, execute o projeto luminotécnico por etapas.

  • As luminárias sustentáveis estão super em alta. Há modelos lindos feitos de barbantes, latas, copos, papel, etc.

  • Colocar um pendente no centro da mesa de jantar deixa o visual bem elegante.

  • Outra boa opção é colocar uma fileira de pendentes modernos na direção da bancada da cozinha americana.

E aí, você gostou das nossas dicas? A escolha das suas lâmpadas e luminárias vai ficar mais fácil a partir de agora? Compartilhe suas opiniões com a gente através dos comentários.

Você encontra uma imensa variedade de lâmpadas, luminárias e pendentes no site da Casa Show! É só clicar aqui e aproveitar 🙂

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria