Saiba como escolher as telhas ideais para sua construção

0
1643

Saiba como escolher as telhas ideais para sua construção

O telhado é uma parte essencial da casa, pois ajuda a garantir a vedação, o conforto térmico e a própria proteção do imóvel. Consegue imaginar como uma residência sem telhas ficaria completamente vulnerável ao vento, à poeira e à chuva? Mas a verdade é que muitas pessoas ainda têm dificuldade em escolher o material mais adequado para cobrir seu lar, afinal de contas, há diversas opções disponíveis no mercado, o que deixa o consumidor confuso. Para que isso não aconteça com você, trouxemos hoje um guia de como escolher telhas. Ficou interessado? Então leia este post e descubra já os pontos positivos e negativos de cada alternativa:

Os tipos de telha

Telhas de cerâmica

Também chamadas de telhas de barro, esses modelos de cerâmica são os mais tradicionais, já existindo há muito tempo e ainda sendo usadas em construções contemporâneas porque oferecem conforto térmico e boa vedação. Sua resistência, no entanto, não é tão boa. Assim, para aumentar a durabilidade da sua cobertura, prefira telhas de cerâmica já revestidas sinteticamente. Elas são vendidas no estilo colonial, francês, romano ou português, cabendo ao consumidor, claro, escolher sua versão preferida!

Telhas de amianto

Bastante populares, as telhas de fibracimento — como também são conhecidas — são simples e baratas. Esse modelo é bastante versátil e indicado para coberturas de pouca inclinação. Vale ressaltar, porém, que as opções de amianto não oferecem tanto conforto térmico, ok?

Telhas de concreto

As telhas de concreto também são famosas no mercado, pois combinam durabilidade com conforto térmico, além de demandarem menos madeiramento — economia significativa em termos de estrutura. Assim, os gastos maiores ficam por conta da aplicação de uma resina para a impermeabilização e de manutenções anuais.

Telhas ecológicas

Se você se importa com sustentabilidade e consumo consciente, essas telhas são uma ótima opção! Essa versão ecológica é produzida a partir de materiais naturais, como fibras recicladas de coco, madeira e bananeira.

É o caso das telhas Onduline que são uma tendência na construção civil atualmente. Leves, econômicas, coloridas, resistentes e muito fáceis de instalar, são feitas de fibras vegetais e resistentes à ação dos raios UV. Ela também aceita pintura, deixando a cobertura da casa com a sua cara. Elas ajudam na economia com o madeiramento e podem substituir tranquilamente as telhas de concreto, de cerâmica ou de amianto com um efeito estético pra lá de satisfatório.

 

Saiba como escolher as telhas ideais para sua construção (2)

 

Telhas metálicas

As telhas metálicas não são usadas em casas, normalmente sendo escolhidas quando a finalidade é cobrir grandes espaços, como quadras e galpões. Para se ter uma ideia melhor, uma única telha desse modelo pode passar de 4 metros de comprimento. Mas vale lembrar que, na maioria das vezes, elas não oferecem conforto térmico.

A escolha da telha

  • Ouça a opinião de um arquiteto, já que um requisito básico para acertar na escolha do telhado é levar em consideração o estilo geral da construção.
  • Não tenha medo de inovar na escolha das telhas. Hoje em dia existem materiais modernos que são bonitos, baratos e com altíssima resistência. Sendo assim, não hesite em abandonar as tradicionais telhas coloniais.
  • Prefira telhas homologadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), assegurando-se de que o material tem alto padrão de qualidade e atende a determinadas exigências de segurança.
  • Quanto às cores do telhado, tenha em mente que tons mais escuros são mais fáceis de combinar, além de ajudarem a disfarçar a sujeira. Por outro lado, telhas claras são modernas, não absorvem tanto calor e refletem melhor o sol.

Agora que você já sabe como escolher telhas, comente e nos conte se já escolheu as opções certas para revestir sua casa! E para ter acesso a outras informações sobre construção e reforma, não deixe de assinar nossa newsletter!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria