Saiba avaliar quando compensa reformar um imóvel comprado

0
1741

Avaliar a compra de um imóvel usado exige alguns cuidados para garantir que o valor se torne um investimento e não se transforme em prejuízo e dor de cabeça.

Um dos fatores que devem ser levados em conta é a necessidade de reforma e construção. Em muitos casos, não levantamos o preço gasto com a reforma, se ele compensará na valorização, ou se demolir e construir do zero é a melhor escolha.

Neste artigo, vamos mostrar quando vale apostar em cada uma das opções e dar dicas de como se preparar para a compra. Vamos lá?

Quais os primeiros passos da avaliação?

A primeira informação que você deve ter em mente é a idade do imóvel. Casas muito antigas podem ser ruins para morar, alugar ou revender, pois a reforma pouco ajudará na estrutura da casa, e o dinheiro dificilmente será recuperado nas próximas negociações.

Apartamentos mais velhos devem ter o dobro de cuidado, pois, dependendo das alterações necessárias, a reforma pode interferir nas residências dos vizinhos, aumentando o orçamento e as possibilidades de problemas.

O ideal é que, antes da compra, seja feito um cálculo da valorização do imóvel com a obra e que o orçamento esteja dentro desse valor.

Lembre-se de que a localização também influencia na hora da venda, e um ótimo imóvel pode ser desfavorecido por bairros distantes, sem comércio próximo ou vizinhança indesejada.

Procure por imóveis na mesma região e com o valor de mercado igual ao que você vai conseguir com a valorização. Caso não encontre, apure a média de preços que encontrar e avalie se há outros benefícios que justifiquem o investimento.

Quando a reforma compensa?

Se os primeiros levantamentos mostram que o imóvel pretendido é uma boa aquisição, é hora de atentar aos detalhes para definir a compra e o tipo de investimento no imóvel.

Problemas estruturais, como rachaduras, vazamentos, mofos e infiltrações, devem ser avaliados do ponto de vista da sua conservação, pois, mesmo que o reparo esteja dentro do orçamento ideal, ele pode exigir reforços, como vedas e impermeabilização.

Por outro lado, se a estrutura da casa está em boas condições e possui um toque rústico em pisos, azulejos, janelas e fachadas, um bom produto de restauração e conservação pode evitar trocas desnecessárias.

Em geral, casas e apartamentos com menos tempo de construção necessitam apenas de reformulação do espaço. Mas, ainda assim, é importante avaliar a estrutura para saber por quanto tempo ficará sem nova manutenção.

E quando é ideal construir do zero?

Nos casos de fachadas e estruturas muito prejudicadas pelo tempo, mas que o valor do lote e da localização compensam, tanto para a rotina quanto para a valorização do imóvel, o ideal é começar do zero.

Há também os casos em que a reforma é uma possibilidade, mas a construção resolveria os problemas em longo prazo, trazendo mais segurança para o investimento.

Outro critério é acompanhar a evolução do mercado imobiliário na região, em especial se o bairro estiver se renovando,

Qual a importância de contratar um profissional?

Profissionais de reforma e construção, como empreiteiros ou arquitetos, são qualificados para ajudar na sua avaliação,

Na consultoria, eles levarão em conta os aspectos técnicos e de segurança, além dos seus objetivos com a aquisição do imóvel.

Um profissional especializado em reforma e construção vai montar o projeto ideal para você, seja para a moradia da sua família, seja para aluguel ou venda.

Este conteúdo foi útil para você? Agora, para transformar a aquisição do seu imóvel em um bom investimento, entre já em contato com a Casa Show!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria