Qual é a decoração ideal para o quarto de bebê?

2
1082

Qual é a decoração ideal para o quarto de bebê2

Se a família vai aumentar em breve, com um novo morador chegando para encher a casa de alegria, é melhor que os pais comecem a programar a recepção do pequeno e preparar os ambientes para acolher o bebê com muito conforto e carinho. E isso inclui, claro, a montagem, a organização e a decoração do quartinho do pimpolho! Quer saber como deixar esse espaço mais bonito e confortável sem deixar a funcionalidade de lado? Então confira já nossas sugestões:

Nada de excesso de enfeites

Móbiles, pelúcias antialérgicas, enfeites e detalhes graciosos são sempre muito bem-vindos nos quartos de bebês, mas desde que não haja excessos. Lembre-se de que o exagero de objetos decorativos pode deixar o visual confuso e sobrecarregado, além de favorecer o acúmulo de pó e comprometer o aproveitamento do espaço.

Suavidade e tranquilidade

Como quartos são ambientes voltados para o relaxamento e o descanso, nada de encher o ambiente com cores fortes e vibrantes demais, ok? Aposte em tons neutros e suaves, buscando assegurar a qualidade do sono da criança, bem como tornar o ambiente mais tranquilo para amamentar, fazer as trocas de fraldas e recepcionar as visitas.

Qual é a decoração ideal para o quarto de bebê

Foco no realmente essencial

Já que o ideal é evitar excessos, procure focar nos itens estritamente necessários tanto para o bebê como para os pais. Claro que você também deve pensar na beleza, mas sempre priorizando a utilidade de cada elemento. A tarefa é mesmo um pouco difícil, até porque o mercado infantil apresenta uma infinidade de produtos, cada um mais fofo que o outro, dando vontade de levar absolutamente tudo para casa. Mas se contenha! Concentre-se no que não pode faltar:

Berço

É indispensável que, desde os primeiros meses de vida, o bebê tenha seu próprio lugar na casa. Dormir com os pais, além de acostumar mal a criança, acaba até sendo um risco para a segurança do recém-nascido.

Cômoda

Em vez de investir em um grande guarda-roupa, que ocupará muito espaço, o que acha de optar por uma cômoda para guardar as roupinhas? E a parte superior desse móvel ainda pode ser usada como trocador! Prático, não?

Nichos

Os nichos podem ser usados para guardar objetos decorativos, colocar as lembrancinhas de maternidade, deixar produtos de higiene sempre à mão ou até mesmo acomodar pacotes de fraldas. Essa multifuncionalidade já é uma ajuda e tanto na correria do dia a dia!

Poltrona

Para assegurar o conforto da mamãe durante as mamadas, o ideal é que haja no quarto uma poltrona de amamentação. Além de extremamente útil, esse elemento complementa a decoração com muito estilo e elegância.

Kit higiene

O kit higiene também é fundamental para os cuidados diários com o bebê, mas o que nem todos sabem é que, dependendo do modelo e do material — como vidro, porcelana ou madeira, por exemplo —, tal kit ainda pode encher o espaço de charme.

Lixeira

Por fim, não se esqueça de providenciar uma lixeirinha para colocar no quarto, que servirá para jogar os lencinhos umedecidos, algodões, hastes flexíveis e muito mais. Só não deixe o lixo acumular demais, tampouco jogue fraldas sujas nesse mesmo recipiente, viu? Esse cuidado impede o odor desagradável no quarto e evita atrair insetos.

Área livre para circulação

Os quartos de bebês também precisam ser funcionais do ponto de vista da locomoção de quem o frequenta. Assim, é crucial que não se tenha elementos espalhados pelo chão ou quaisquer maiores obstáculos à circulação, como esculturas, abajures, mesinhas ou a banheira que você vive se esquecendo de guardar.

O mais indicado nesse caso é investir em elementos suspensos, como lustres, nichos e prateleiras. Além disso, pense bem na distribuição da mobília pelo ambiente. De acordo com especialistas, é importante que haja, no mínimo, 90 centímetros de distância entre um móvel e outro. Se a casa for pequena, uma boa dica é comprar peças compactas e multifuncionais.

No mais, invista em uma iluminação amarelada e aconchegante, procure seguir um conceito na decoração e escolha tudo com muito carinho. Os quartinho temáticos continuam em alta, mas se você não quiser se prender a um tema, aposte em uma paleta de cores bem delicada e siga um estilo decorativo mais atemporal.

Agora que você já sabe como decorar um quarto de bebê, comente aqui e divida suas impressões conosco! E aproveite para conferir nosso post sobre como decorar quartos de bebê gastando pouco!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria

2 COMENTÁRIOS

Comments are closed.