Os 5 maiores pecados ao se pintar a casa

0
1744

Renovar as cores das paredes é uma ótima maneira de mudar o visual dos ambientes, não é verdade? E o melhor de tudo isso, é que você mesmo pode colocar a mão na massa! Tomando alguns cuidados e planejando a composição de tonalidades, é possível pintar a casa de forma prática e fácil. Assim, você não desperdiça material, garante uma aparência elegante aos cômodos e fica satisfeito com o resultado final.

Quer saber como fazer isso e acertar em cheio? Então confira, neste post, 5 grandes erros que devem ser evitados na hora de colorir os ambientes. Acompanhe!

1. Não usar cores adequadas no espaço

Para dar um visual harmônico e agradável à casa, é fundamental que cada cômodo seja pintado de acordo com suas características funcionais. Portanto, leve em conta a sensação que você deseja transmitir em determinados espaços e use cores correspondentes a essa intenção.

Ambientes como sala de estar e quartos, por exemplo, são destinados ao descanso e relaxamento, por isso, é interessante usar tons de rosa salmão, azul-escuro, marrom e cinza. Já para dar ao banheiro e cozinha um estilo clean, prefira cores neutras e claras, como o gelo, bege e branco.

2. Não preparar a parede e o ambiente

Antes de começar a pintar a casa, você precisa preparar a parede e o ambiente para receber a tinta e não causar manchas no chão, rodapés e tomadas, combinado? Então, primeiro, certifique-se de que a parede está devidamente lixada para receber a primeira demão de tinta.

Em seguida, retire quadros, espelhos e interruptores da parede que será colorida. Feito isso, forre os rodapés com jornal e fita crepe, bem como o chão, para evitar borrões durante a pintura. Dessa forma, fica mais fácil organizar a bagunça e limpar o espaço depois.

3. Não escolher o acabamento apropriado

Além de escolher as cores que serão usadas na casa, é muito importante atentar-se ao acabamento. Caso contrário, o resultado final ficará comprometido e os efeitos desejados tendem a falhar.

Para evitar esse tipo de problema, analise as condições da parede e decida qual é a melhor opção para finalizar o visual. Um acabamento fosco, por exemplo, é ideal para disfarçar imperfeições na superfície, enquanto o acetinado é resistente e fácil de higienizar.

4. Não utilizar todos os materiais indicados para pintura

Antes mesmo de iniciar o trabalho de pintura, é preciso ter todos os materiais de qualidade e adequados à coloração de paredes para evitar improvisos e, consequentemente, erros. Basicamente, você precisará de:

  • lixa;
  • massa corrida;
  • rolo de pintar;
  • fita crepe;
  • bandeja;
  • tintas apropriadas;
  • pincéis menores;
  • misturador de tinta;
  • luvas;
  • pano para limpar eventuais borrões.

5. Não equilibrar as cores entre os cômodos ao pintar a casa

Como falamos no primeiro tópico, cada cômodo deve ser pintado de acordo com suas características funcionais. Mas isso não significa abolir o equilíbrio de tonalidades na residência. Sendo assim, para acertar, busque não fugir muito da proposta entres os ambientes e combine, de maneira sutil, a passagem de um espaço para outro.

Ao pintar a casa, você também renova a decoração e deixa os espaços cheios de personalidade. Evitando esses 5 deslizes, o visual de seu lar certamente ficará incrível e renovado!

Gostou de saber como pintar a casa sem erro? Siga-nos no TwitterFacebook, Youtube e Pinterest para acompanhar as novidades e ler mais dicas como essas! Até a próxima!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria