Como tirar umidade da parede e evitar que retorne?

1
2462

Manchas, bolhas, goteiras e mofo, quem nunca se deparou com algum desses aspectos em sua própria residência? A presença da umidade pode trazer muitas interferências para uma habitação, sendo prejudicial para a saúde e também para o bolso. Mais comum em casas do que apartamentos, a umidade também afeta a estrutura e estética da residência, gerando um aspecto desagradável. Região em que elas mais aparecem é na parede, deteriorando sua aparência. Para tratar do mofo em casa, acompanhe nossas dicas de como tirar umidade da parede de uma vez por todas.

De onde vem a umidade das casas?

Todo terreno possui algum contato com a umidade – seja pela água presente no solo (lençóis freáticos, terras não drenadas, vazamentos), ou na atmosfera (localizadas em locais chuvosos, próximos de rios ou de mar). A proximidade com terrenos em construção, que utilizam muita água na obra, também pode ser um fator determinante.

Sinais da umidade em paredes internas

Assim como as doenças, se for percebido no começo a umidade é fácil de ser cuidada. Fique atento ao aparecimento de manchas escuras e bolhas que “estufam” da parede. Quando está mais avançada, pode ocorrer o fenômeno da eflorescência, quando a parede começa a desintegrar, devido à formação de sais solúveis trazidos pela umidade.

Minimizando os prejuízos

Além de afetar a parte estética da casa, a umidade pode trazer problemas financeiros para a família. Reparar paredes muito impregnadas pela umidade requer tempo, dinheiro e mão de obra especializada. Além da parte da construção, a umidade dentro de casa pode trazer problemas de saúde, como rinites alérgicas e dores de cabeça crônicas. O melhor a fazer é saber identificar a presença e eliminar os pontos quanto antes.

Como evitar a umidade

Muitas vezes infiltrações aparecem por falta de proteção adequada na interna nas paredes. A proteção deve ser feita durante a execução da obra, e a pressa ou economia podem fazer prejudicar essas etapas. A cobertura ideal e a impermeabilização de vigas e alicerces durante a construção também são fatores importantes para evitar a umidade a longo prazo.

Como tirar a umidade da parede

Em casas já habitadas, a parede com mofo deve ser tratada o quanto antes. O cloro e a água sanitária são os produtos mais indicados para aplicação direta em cima da parte afetada. Se a infiltração já está muito avançada, então deve se fazer uma raspagem e aplicar um impermeabilizante seguido de massa corrida.

Cuidados após retirar o mofo

Fazer os procedimentos corretamente evita que a umidade retorne. Para manutenção das paredes, pode se aplicar um spray anti-mofo na região mais afetada pela infiltração.

É também importante ter uma boa ventilação nos cômodos para evitar o que o mofo volte a aparecer. Exaustores na cozinha e aberturas no banheiro são essenciais nesse caso. Em ambientes muito fechados, como dispensa e garagem, pode se colocar um carvão no ambiente, pois o mineral ajuda a absorver a umidade. Fazer a manutenção periódica de ares condicionados, ventiladores e climatizadores evitam o calor excessivo dentro de casa.

Gostaram de nossas dicas? Então não perca tempo e assine a nossa newsletter para receber dicas exclusivas de manutenção, casa e construção.

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria

Comments are closed.