Como ter uma casa sustentável de verdade?

0
438

Na hora de planejar uma casa sustentável, muitas pessoas pensam que é preciso investir muito dinheiro em obras e tecnologias complexas e pouco acessíveis. Mas saiba que esse é um mito — na verdade, com pequenas atitudes já é possível tornar a sua residência mais amiga do meio ambiente.

Se você está planejando a sua casa sustentável ou se deseja começar a modificar seus hábitos, veja algumas ideias que separamos e que podem diminuir os impactos causados no meio ambiente.

Mas, afinal, o que é uma casa sustentável?

Uma casa sustentável não é apenas aquela que engloba em sua arquitetura materiais verdes, como aquecedor solar, descargas econômicas ou telhado verde, por exemplo. Para realmente ser uma moradia que não agrida ao meio ambiente é preciso incorporar práticas sustentáveis no seu dia a dia.

Para isso, além da escolha de materiais ecológicos, pense também nas atitudes que podem reduzir os seus impactos.

Como posso ter uma casa sustentável?

Ciente dessas informações, saiba que existem muitas atitudes simples que você pode começar a tomar hoje mesmo para transformar a sua casa em um ambiente sustentável, como:

  1. Opte por janelas maiores, que sejam capazes de aproveitar melhor a luz natural e diminuir o consumo de energia elétrica com menos lâmpadas acesas a todo instante. Além de economizar, elas garantem uma boa ventilação do ambiente;
  2. Utilize toldos ou brises nas janelas, evitando que a sua casa fique muito quente e, assim, diminuindo o uso de ventiladores e de ar-condicionado;
  3. Use torneiras com arejador (aquelas espécies de “peneirinhas” na saída de água), que ajudam a economizar, mas sem perder a vazão;
  4. Reaproveite a água da máquina de lavar e da chuva para limpar o quintal e outros ambientes;
  5. Lave a roupa de uma vez só e deixe as peças de molho antes de colocá-las na máquina;
  6. Regue o jardim nos períodos certos: durante o verão, faça as regas de manhã ou à noite; durante o inverno, faça em dias alternados e de manhã. Isso reduzirá as perdas por evaporação e fará com que você gaste menos água;
  7. Opte por eletrodomésticos que possuem o selo Procel, que indica quais consomem menos energia;
  8. Separe o lixo orgânico do reciclável e se informe com a prefeitura da sua cidade sobre os horários de coleta seletiva;
  9. Apague as luzes quando não estiver em algum ambiente e opte pelas luzes de LEDem vez das comuns, já que elas conseguem economizar até 80% de energia;
  10. Opte por produtos eco-friendly, ou seja, aqueles que são feitos com recursos renováveis. Eles estão disponíveis em itens de limpeza, de higiene pessoal, de cama, de beleza e muitos outros;
  11. Evite móveis feitos com madeiras em extinção e escolha pelos amigos do meio ambiente, como as madeiras de reflorestamento e bambu ou opte pelo uso de materiais recicláveis;
  12. Inclua as plantas na sua decoração — além de lindas, elas ainda ajudam a renovar o ar e a desintoxicar a parte interna da sua casa;
  13. Evite o uso de materiais descartáveis, que geram lixo e demoram para se decompor.

Além dessas dicas, você também pode priorizar no seu projeto o uso da arquitetura sustentável, como a instalação de dispositivos que economizam água em torneiras e descargas, painéis para a geração de energia solar e o uso de tintas ecológicas (sem componentes sintéticos e derivados do petróleo).

Com essas dicas ficou mais fácil ter uma casa sustentável? Se você tem dúvidas ou outras ideias que queira compartilhar conosco, deixe um comentário!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria