Aprenda a montar uma adega em casa

0
1528

O vinho é uma bebida que não só combina com os mais variados alimentos, em todas as épocas do ano, como complementa a experiência gastronômica, transformando uma simples refeição em um festival de sabores. Os mais encorpados são uma ótima pedida para a temporada de inverno, enquanto os frisantes podem ser bastante refrescantes no verão.

Ter boas opções de vinho em casa é sempre uma ótima pedida para aqueles encontros de última hora com a família e os amigos ou para um jantar especial. E para que essas bebidas não percam suas propriedades, é imprescindível que sejam armazenadas da forma correta. O ideal, é, portanto, contar com uma adega. Você pode optar pelos modelos já prontos ou, se tiver espaço em casa, montar uma adega totalmente personalizada.

Mas onde e como instalar essa adega e quais os cuidados necessários para o adequado armazenamento dos vinhos? Pois é o que vamos explicar agora mesmo. Então não deixe de conferir nosso post.

Encontrando o lugar

A adega pode ser montada em praticamente qualquer canto da casa. O local, no entanto, não pode receber diretamente luz solar e precisa ter uma temperatura constantemente mais baixa, já que o ideial é que os vinhos sejam armazenados entre 13 e 18ºC.

Se você tem o privilégio de ter um porão em sua casa, já encontrou o local, pois aí há pouca incidência tanto de luz como de calor. Além do mais, esse ambiente provavelmente conseguirá abrigar uma quantidade maior de garrafas do que uma pequena adega montada em um canto da sala.

Já para quem não dispõe desse cômodo e tem pouco espaço, a sugestão é adquirir uma adega industrializada, que pode ser instalada em qualquer lugar, nem precisando ser um ambiente de portas fechadas.

Montando sua adega

Para montar sua adega você pode contratar um marceneiro de confiança, pedindo que ele faça diferentes tamanhos de suportes de madeira a fim de armazenar todo tipo de garrafa.

Também é possível comprar alguns nichos já prontos, criando separações internas com ripas de madeira. Se for fazer sozinho, não se esqueça que é importante calcular as medidas antes de efetivamente realizar a divisão.

Já as adegas prontas não precisam de grandes intervenções, pois já vêm prontas. Contam com esteiras deslizantes de aço inox, facilitando a colocação e a retirada das garrafas.

Tomando os cuidados necessários

No caso das adegas personalizadas, é preciso ter o cuidado de verificar se a temperatura não está variando, pois isso pode vir a prejudicar o produto, alterando seu sabor e suas propriedades.

Também é preciso manter o estoque sempre limpo e as garrafas armazenadas na posição horizontal. Caso contrário, a rolha pode ressecar, permitindo, assim, que o ar entre na garrafa, oxidando a bebida. Já as que são fechadas com tampas de rosca podem ficar em pé mesmo.

Para que o vinho seja degustado da melhor maneira possível, evite, depois de aberto, armazená-lo novamente na geladeira. Mesmo nos dias mais quentes, trate de não deixá-lo gelando por muito tempo, pois isso pode comprometer seu sabor.

Viu como montar uma adega em casa não é tão difícil? Mesmo que você tenha pouco espaço, pode apostar nas industrializadas, que são fabricadas nos mais diferentes tamanhos. É a melhor maneira de manter seus vinhos sempre frescos e na temperatura correta!

Com todas essas dicas, que tal começar o ano com uma adega novinha em casa? Ou será que você já providenciou essa inovação durante o ano? Comente aqui e nos conte sobre suas experiências: qual modelo escolheu? Onde resolveu montá-la? Compartilhe suas histórias e impressões conosco!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria