Aprenda como usar o madrepérola na decoração

1
1320

Para quem deseja ter uma decoração sofisticada, elegante e delicada, apostar na madrepérola pode ser uma excelente escolha. Esse material, muito usado para produção de joias, é uma forte tendência para decoração de ambientes pela sua variação de cores e diversas possibilidades de uso.

Se você está entre as muitas pessoas que admiram a beleza desse material mas ainda fica com dúvidas sobre como usá-lo na decoração, esse post é para você. Vamos explicar as vantagens que a madrepérola traz para o seu ambiente e algumas maneiras de usá-la na decoração. Continue lendo e confira as nossas dicas!

Conheça a madrepérola

É muito comum já ter ouvido falar desse material mas ainda ter dúvidas sobre o que ele realmente é e o que  o diferencia de outros. Antes de mais nada, madrepérola é o revestimento da parte de dentro das conchas, o que faz dela um dos componentes que produzem as pérolas (daí o nome).

É um material duro e brilhante, que pode ser claro ou escuro e variar entre vários tons. Os mais claros podem ser encontrado em tons off-white e os mais escuros em diferentes tonalidades de marrom, passando também pelo rosa, dourado e bronze.

Um grande diferencial da madrepérola é que ela pode ser usada para diversas finalidades: encontramos brincos, pulseiras, revestimentos para paredes, lustres e todo tipo de objetos de decoração feitos com ela.

Usando em revestimentos

Uma boa escolha para deixar o seu ambiente bem elegante e clássico é utilizar madrepérola como revestimento de paredes. Essa é uma boa escolha, pois o material é resistente e tem boa durabilidade, além de ser versátil, podendo ser usado em salas, banheiros, quartos e cozinhas. Além desses ambientes, é possível usá-lo para criar detalhes nas portas de entrada da casa, causando uma ótima primeira impressão para os visitantes.

A dica mais importante na hora de escolher a madrepérola como revestimento é ter cuidado para não exagerar. O ideal é aplicar o material para destacar alguns espaços: se estiver por toda a parte, ele acaba perdendo a importância e o detalhe de sofisticação.

Além disso, a madrepérola tem como uma de suas principais características o brilho iridescente — ou seja, além de refletir a luz, ele o faz em um espectro de cores que varia de acordo com o ângulo de visão. Se o material estiver por toda a parte, o local corre o risco de ficar iluminado demais, causando desconforto visual e desarmonia.

Outra dica é combiná-la com tons mais neutros nas paredes e nos móveis, como branco, bege, marrom, cinza e preto. Além disso, por ser um material mais usado em decorações clássicas, harmoniza melhor com móveis mais tradicionais, com formatos mais clássicos e estruturas de madeira.

Madrepérola em objetos decorativos

Se você quer investir na decoração para deixar o seu ambiente mais requintado, não vão faltar opções de decoração com a madrepérola. A tonalidade escolhida pode variar de acordo com o local e as cores das paredes e móveis, podendo usar objetos em tons claros para iluminar lugares com pouca luminosidade ou com móveis mais escuros. A madrepérola mais voltada para o marrom, por sua vez, pode ser utilizada para criar contraste em ambientes que possuem apenas tons claros.

Esse material pode ser usado para bancadas de pias de banheiro, lustres de salas de jantar, cabos de talheres, vasos, argolas para guardanapo e muitas outras opções. Mas vale sempre lembrar que, quando falamos de elegância, não devemos exagerar. Por isso, o ideal é sempre mesclar os objetos em madrepérola com outros de material diferente, de preferência que não possuam tanto brilho.

O mais importante é deixar os ambientes da sua casa de acordo com o seu estilo. Apenas não se esqueça de ter atenção com os exageros, para não esquecer o bom senso e acabar deixando a sua casa carregada demais. Se o objetivo for delicadeza e sofisticação, a madrepérola não vai te decepcionar.

Gostou das nossas dicas de decoração com madrepérola? Então não deixe de seguir nossas redes sociais para acompanhar muitas outras dicas!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria

Comments are closed.