A reforma vai começar? Tire as ideias do papel e mãos à obra!

1
111

Uma reforma simples ou uma obra mais elaborada requer muitos cuidados em todas as suas fases, precisa ser bem planejada para garantir a qualidade da obra e evitar imprevistos. Por isso, o planejamento é a primeira etapa e a mais importante.

 

Material básico Casa Show

 

Coloque todas as suas ideias no papel, faça um levantamento dos recursos disponíveis para cobrir os gastos da obra e contrate um Arquiteto ou Engenheiro qualificado e com boas referências para te ajudar com todos os detalhes e transformar suas ideias em um projeto preciso.

 

O profissional de arquitetura ou engenharia vai orientá-lo com soluções e técnicas apropriadas que se ajustem aos seus planos e ideias para a reforma, auxiliar com cronograma e monitoramento da obra e será responsável pela entrega dentro do prazo combinado.

 

Na escolha da mão de obra, procure profissionais com boas referências e de preferência indicados por pessoas que possam garantir a qualidade do trabalho. Profissionais conscientes e experientes são a melhor opção, mesmo que o investimento seja aparentemente maior, pois evitam desperdício de materiais e asseguram a execução da obra no tempo previsto pelo Arquiteto ou Engenheiro.

 

Na hora da compra do material de construção, o profissional responsável pelo projeto poderá orientá-lo na escolha das melhores opções. O ideal é investir em materiais de boa qualidade para evitar problemas com manutenção constante e despesas inesperadas.

 

Alguns profissionais recomendam a compra do material de construção com uma margem de 10% acima do material necessário. Essa sobra de material será útil para repor perdas durante a obra e para manutenção e consertos futuros.

 

Se for comprar com antecedência, lembre-se que alguns materiais como cimento, cal e argamassa possuem prazo de validade. Avalie a necessidade de estocar esse material, que também possui características e recomendações para armazenamento diferenciadas, dependendo do material.

 

Blocos, tijolos e telhas podem ser armazenados em local aberto, mas precisam ser cobertos com uma lona. Isso evita que o contato com a chuva e umidade danifique o material.

 

Cimento, cal e argamassa devem ser estocados em lugar seco.  Cubra o solo com uma lona ou plástico antes de montar as pilhas. A umidade pode endurecer o produto que não servirá mais para ser aplicado. Outra dica é não comprar com antecedência, compre aos poucos, conforme a necessidade da obra.

 

Areia e Brita estão liberados para ficar ao ar livre, mas atenção: o tempo de exposição desses materiais não deve ser muito longo. O ideal é não ultrapassar três meses. Caso contrário, poderá sofrer com o acúmulo de poeira e detritos.

 

Madeiras em geral, tábuas ou estruturas para telhados são melhor preservadas em ambientes secos e cobertos. Frequentemente são comprados com antecedência para o período de secagem, necessário para a madeira contrair.

 

Portas e janelas podem ser adquiridas durante a execução da obra, quando a instalação for solicitada pelo mestre de obras. Mas se você comprou com antecedência, mantenha as peças na embalagem, reunidas em um local seco e coberto e dispostas na vertical, sem empilhar.

 

Pronto! Você já sabe a importância de todas as fases da obra e que detalhes como mão de obra, material de construção e acompanhamento profissional fazem toda a diferença. Com o planejamento na mão, chegou a hora de iniciar a sua reforma!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here