6 dicas na hora de limpar sua piscina

0
1320

Quem tem piscina em casa, sabe que essa área de lazer é um espaço muito propício para a diversão em família, mas também sabe que ela demanda cuidados especiais, para que não ameace a saúde de seus usuários. Além disso, piscina sempre limpa é bem cuidada é mais bonita, convidativa e dura por muito mais tempo, dispensando reparos e reformas constantes. Em outras palavras, a manutenção das piscinas é indispensável e a gente vai te ensinar a seguir, algumas dicas práticas para deixar a limpeza da piscina sempre em dia. Vem ver!

Limpe o terreno externo

O primeiro passo para fazer a limpeza adequada da piscina, é limpar ao redor da área, higienizando – inclusive – o deck. Com a circulação de pessoas em torno da piscina e também por conta do vento, sujidades se acumulam nesse espaço. Sendo assim, para garantir uma limpeza perfeita, é necessário começar pela área que circunda o terreno. Isso ajuda evitar que resíduos sólidos caiam na piscina.

Faça a limpeza com a coadeira

A limpeza com a coadeira, também chamada de limpeza skimmer, também é uma etapa muito eficiente no processo de higienização das piscinas. Nela, a coadeira produz ondas pequenas, que mandam os resíduos para um filtro e de lá para o esgoto. Para otimizar o processo, é indispensável que a ferramenta esteja bem limpa e desobstruída.

Higienize a superfície

A limpeza superficial das piscinas deve ser feita com maior frequência do que a limpeza profunda. Nesse tipo de procedimento, é necessário usar uma rede própria para remover resíduos como galhos, folhas, insetos e outras coisas que eventualmente fiquem boiando na água.

Não se esqueça do revestimento

Também é crucial que você limpe as algas que começam a se formar sobre o revestimento da piscina, antes que isso vire um problema mais sério, como por exemplo, as manchas irreversíveis. A borda e o piso devem ser higienizados com produtos específicos, para não danificar o material. Vale destacar que nas piscinas de concreto, é possível utilizar escovas duras. Já nas piscinas emborrachadas e de fibra de vidro, o ideal é apostar em escovas macias.

Aplique o cloro na piscina

O cloro funciona como um desinfetante que alia função germicida e bactericida. Para acertar na dosagem do produto, siga as recomendações do fabricante. Normalmente a indicação é de 5 gramas de cloro granulado para cada 1.000 litros de água. Cumpre ressaltar que os tabletes de cloro devem ser evitados, pois eles podem manchar o revestimento.

Recorra à supercloração em casos especiais

Use o tratamento de choque (supercloração) apenas quando a  piscina estiver contaminada com fezes ou animais mortos, depois de chuva intensa, em períodos de extremo calor, diante do crescimento de algas, presença de forte odor ou quando muitos banhistas frequentarem a piscina.

Dicas extras

  • Nunca use produtos abrasivos, escovas metálicas e palhas de aço para limpar piscinas azulejadas. Esses materiais podem arranhar o revestimento!

  • Meça a alcalinidade da água pelo menos uma vez por mês.

  • Não deixe a sujeira na piscina acumular, pois isso dificulta a limpeza.

  • A sujeira retirada da borda cai no fundo da piscina, bem como, os resíduos menores. Para limpar essa parte, você deve aspirar cuidadosamente o fundo da piscina.

  • Faça testes com produtos adequados para medir o nível microbiológico da água. Isso ajuda a evitar os riscos de doenças como hepatite, micoses, otite, cólera, dentre outras.

No site da Casa Show você encontra produtos de qualidade e adequados para limpar sua piscina. Clique aqui e aproveite! 🙂

E aí, você gostou das nossas dicas? Vai colocá-las em prática na limpeza da sua piscina? Não deixe de voltar aqui para nos contar se essas medidas funcionaram com você.

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria