5 dicas para montar um closet pequeno e gastar pouco

0
1326

Não dá pra negar que, por oferecer maior comodidade aos moradores e permitir que cada peça de roupa, calçado e acessório seja mantido na mais perfeita ordem, o closet deixa a casa mais funcional, organizada e elegante. Diferentemente dos guarda-roupas e dos armários convencionais, esse espaço possibilita uma melhor visualização dos itens e faz com que se ganhe tempo no dia a dia.

Pena que closets são exclusividades de residências amplas e sofisticadas, certo? Erradíssimo!

A verdade é que até quem mora em um imóvel simples e compacto pode ter um closet para chamar de seu. O melhor de tudo é que dá para montar um closet bem pequenininho sem gastar muito.

Quer saber como tornar isso possível? Confira as nossas dicas!

Considere o espaço disponível

O primeiro passo para montar um closet pequeno e barato é fazer um planejamento com base no espaço que você tem disponível. Se for apenas um cantinho do quarto, faça um closet com uma quantidade de divisórias proporcional ao tamanho do ambiente.

Já se for uma sala à parte — como o sótão, o esquecido quartinho da bagunça ou um anexo do dormitório feito pensando exclusivamente no closet —, é possível contar com mais divisórias. Mas mesmo assim, não exagere nas dimensões, porque o ideal é que sobre espaço para se locomover tranquilamente pelo ambiente.

Pinte o ambiente com cores claras

Ainda que o espaço seja pequeno, ele pode parecer bem maior do que realmente é se você souber como enganar seus próprios sentidos. Então, comece pintando as paredes com cores claras.

Também é indispensável que o closet seja bem iluminado e que o ambiente conte com espelhos para criar a sensação de amplitude. Acredite: tudo isso faz toda a diferença!

Use nichos e prateleiras

Ao montar seu closet, use prateleiras e nichos para otimizar e organizar o espaço. Prateleiras em formato de colmeia dão mais personalidade à decoração, além de facilitarem a disposição e visualização das peças. Os nichos, por sua vez, deixam o closet mais estruturado e com mais possibilidade para guardar acessórios menores — como bolsas e chapéus.

Abuse das caixas organizadoras

Se você não dispõe de verba suficiente para investir em um closet sob medida, com material elaborado e design sofisticado, monte um de forma mais simples, com menos divisórias e sem muitos detalhes, mas igualmente funcional. Para suprir a falta de repartições fixas, use e abuse de caixas organizadoras para colocar sapatos e acessórios.

Dê preferência a caixas transparentes, para que você saiba, sem precisar abrir uma a uma, o que está dentro delas. Mas se preferir caixas estampadas, de madeira ou de plástico leitoso, recorra a etiquetas para tornar o ambiente mais prático e organizado.

Inclua araras no ambiente

Se o closet é excessivamente pequeno e não há cabideiros suficientes para pendurar vestidos e casacos, arrume um cantinho para complementar o espaço com uma funcional arara. Coloque todas as peças que precisam ser penduradas, deixando mais visíveis as roupas que você usa com mais frequência.

Evite tijolos

Pensando em quebrar tudo? Nem pensar!

Além de gastar um dinheiro danado, muitas vezes, optar pela marcenaria é a melhor opção. Gavetas e pequenas cômodas podem ser compradas em simples marcenarias ou lojas de decoração, o preço geralmente é bem acessível para esse tipo de móvel.

Reaproveite materiais que já tem em casa

Como a dica de hoje é montar um closet gastando pouco, nada melhor do que reaproveitar aquele móvel ou objeto que você não usa mais, como por exemplo, criado mudo ou armário vertical. Basta dar uma repaginada nele, passando uma demão de tinta de sua preferência e pronto, é só usar no seu closet!

Baús, cômodas e sapateiras também podem ser reaproveitados. É só deixar a imaginação fluir!

Crie sua própria arara

Sabe aquela escada de madeira parada no fundo da garagem? Ela pode virar uma arara linda e moderna.

Basta lixá-la e pintá-la da cor desejada. Fixe um suporte de apoio (mão francesa) de cada lado e pendure-a na parede, usando a fixação a partir da mão francesa.

Pronto! É só colocar os cabides e a sua arara está pronta para ser usada.

Mantenha a organização e a limpeza

Reserve uma prateleira mais alta para roupas e acessórios que são menos usados, como casacos e botas de galocha.  Dedique também um espaço para bijuterias, lenços e acessórios pequenos.

Isso evita que eles se percam em meio a tantas roupas e gavetas. Uma dica importante é usar e abusar dos cabideiros, quando mais cabideiros, mais roupas podem ser penduradas.

A limpeza pode ser feita com um pano úmido e aspirador de pó sempre que você perceber sinais de poeira. Manter o ambiente limpo evita danos nas roupas.

Cortinas ou portas?

Essa decisão é sua! O visual fica lindo com cortinas coloridas substituindo a porta.

Mas a porta é indicada para quem deseja um espaço mais privativo, além de inibir a entrada de sujeira e poeira. Porém, se o closet estiver integrado ao quarto e não tiver nenhum risco de visualização externa, ele pode ficar aberto mesmo. Isso facilita na visualização das roupas na hora de se arrumar.

Espaço para os sapatos

Uma boa dica para guardar os sapatos é colocá-los em prateleiras ou em sapateiras abertas. Caso opte por prateleiras, elas também podem ser usadas para armazenar outras peças de vestuário.

Para sandálias e chinelos, use cabides. Não deforma o calçado e mantêm as pedrarias.

Iluminação e ventilação

A ventilação no ambiente é de suma importância, isso evita mofo e outros problemas. A iluminação direta também é indicada, facilita o contato com as roupas e abrange todo o ambiente.

Para gavetas e sapateiras, a lâmpada LED pode ser utilizada. A luz precisa ser branca ou amarela, para evitar manchas nos tecidos.

Com pouco ou muito espaço, é possível montar o closet de forma bonita e prática. Basta usar a imaginação. Reaproveite móveis antigos, invista em araras, cabides e deixe a criatividade rolar!

Está pensando em montar um closet na sua casa? Conte para nós pelos comentários, vamos adorar ler!

 

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria