5 dicas para limpar e conservar duchas e chuveiros

0
2761

Ao limpar o banheiro, você limpa o chão, dá uma atenção especial à privada, desinfeta toda e qualquer superfície, esvazia a lixeira, mas nem sequer se lembra de limpar o chuveiro? Pois então saiba, desde já, que está fazendo errado! As duchas e os chuveiros também precisam ser limpos e adequadamente conservados para garantir não só a higiene do ambiente, como também para assegurar o bom funcionamento do aparelho. Confira agora mesmo algumas dicas para limpar e conservar esses aparelhos!

Tome cuidado com a eletricidade

Se o chuveiro for elétrico, trate de adotar algumas atitudes preventivas para evitar choques. Assim, antes de iniciar a higienização do aparelho, desligue a chave geral ou somente o fusível ou o disjuntor referente ao circuito da ducha. Além disso, tome cuidado para não cair água na fiação durante o processo de limpeza. Ah, e se lembre de realizar o serviço calçado, para redobrar a segurança.

Evite o uso de produtos abrasivos

Para não danificar o aparelho somente por conta de manchas, arranhões ou alguma pequena deterioração da superfície, evite usar produtos abrasivos na limpeza. Assim, opte por um paninho úmido ou uma escova com cerdas macias para fazer a higienização.

Providencie manutenções regulares

O ideal é que você não deixe a sujeira acumular nos aparelhos. Para tanto, a limpeza deve ser feita periodicamente. Só esse cuidado básico já vai evitar que resíduos obstruam os orifícios das duchas. Se as saídas de água estiverem muito entupidas, retire a tampa do aparelho e use uma agulha para fazer a desobstrução de cada furinho, individualmente.

Faça a limpeza completa com uma sacola

Como assim uma sacola? Pois bem! Uma forma simples e super eficiente de fazer a limpeza de duchas e chuveiros é colocar água sanitária ou cloro em uma sacola plástica resistente e amarrá-la na boca do aparelho. Depois disso, basta abrir o registro para que a água encha a sacola. O chuveiro deve ficar submerso nessa solução por cerca de 20 minutos. Após esse tempo, é só remover a sacola e deixar a água escorrer normalmente. Vale lembrar que esse processo, sob hipótese alguma, deve ser realizado com o registro de energia ligado, ok?

Troque a resistência sem complicações

Antes de trocar a resistência do chuveiro, desligue o disjuntor ou a chave geral e coloque seus equipamentos de proteção. Você vai precisar de uma resistência nova, uma escovinha de limpeza e uma chave de fenda. Desenrosque o espalhador do aparelho, remova a resistência queimada e substitua pela nova, respeitando os trajetos e encaixes. Depois é só recolocar o espalhador e fazer o teste para ver se o funcionamento está certinho. Viu só como não tem mistério?

Agora comente aqui e nos conte se gostou das nossas dicas! Qual delas chamou mais sua atenção? Compartilhe suas opiniões conosco e participe da conversa!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria