5 dicas de como guardar vinhos em casa

1
1247

Muitas vezes, o prazer de saborear uma boa garrafa de vinho pode não depender apenas da correta escolha da marca ou da safra, muitas vezes, pois deve-se levar em conta a forma como seu vinho é armazenado. Nesse caso, algumas questões como o local, posição e temperatura podem ser itens para se levar em conta quando se pensar em como guardar vinhos em casa.

Quer ajuda com essa questão? Confira algumas dicas que deixarão suas garrafas bem conservadas na hora de abrir e saborear sua bebida!

 

A escolha do local

Quando for escolher um bom local para a estocagem de suas garrafas de vinhos, pense em lugar, de preferência mais escuro. Ou seja, protegido da luz do sol e até mesmo de iluminação artificial, especialmente lâmpadas fluorescentes.

Garrafas que são expostas de forma contínua à luz, tendem a sofrer fortes alterações no sabor e no aroma do vinho. Vinhos tintos são mais resistentes à luz do que vinhos brancos, mas de toda forma, ambos devem ser bem guardados. Caso você não tiver uma adega, despensa ou armário fechado à disposição para armazenar as garrafas, guarde elas em uma caixa ou as cubra com um pano.

A temperatura é muito importante

O local escolhido para se deixar as garrafas nunca poderá atingir a temperatura de 24°C, pois nessa temperatura, o vinho começará a oxidar e poderá estragar por completo. O ideal é manter a temperatura do ambiente em 12°C, porém, se a temperatura cair mais do que isso, não prejudicará o vinho.

Outra questão é que o armazenamento deve ter a temperatura mais constante possível. Quanto mais a temperatura flutuar, mais prematuro pode ser o envelhecimento do seu vinho. Dessa forma, procure não deixar que a alteração seja mais de 1,6°C em um dia e 2,7°C durante o ano.

Controle de umidade

Umidade é outro quesito que poderá afetar de forma negativa uma garrafa de vinho. Se a umidade do local estiver muito baixa, a rolha pode secar e mingar, o que permitirá a entrada de oxigênio na garrafa e, com isso, a oxidação de seu vinho. Para esse aspecto, o melhor é manter o nível de umidade entre 65% e 75%.

A clássica posição

A posição de como guardar vinhos não deve ser novidade para ninguém, pois qualquer suporte de garrafas, por mais simples que seja, está de forma que as garrafas fiquem na horizontal. Mas por quê?

Porque quando se mantém as garrafas deitadas, as rolhas sempre estarão em contato com o vinho e assim, irão se manter úmidas, o que inibe a entrada de oxigénio. Como tratamos rapidamente no item anterior, o oxigênio oxida o vinho, estraga a cor, o aroma e o sabor. Algo que pode acontecer facilmente se as garrafas forem guardadas muito tempo na vertical.

A ação do tempo

Uma coisa muito importante: nem todos os vinhos vão melhorar com o tempo, isso quer dizer que praticamente todos os vinhos possuem um prazo de validade e ele deve ser respeitado se não quiser perder sua garrafa. De forma geral, a maioria dos vinhos tintos poderão ser armazenados de 2 à 10 anos. No caso dos vinhos brancos, eles possuem uma vida mais curta, entre dois e três anos.

Quer uma dica bem simples, prática e que ainda ajudará na sua decoração de como guardar vinhos? Tenha uma adega de vinhos em sua casa.

Elas são projetadas para cumprir todas essas exigências acima, sendo uma ótima alternativa para quem não pode reformar a casa, construir uma adega no subsolo e quer suas garrafas sempre à mão quando desejar. Esperamos que tenham gostado de post de hoje.

Que tal nos deixar um comentário nos contando o que achou e nos mandando outras dúvidas? Participe desta conversa!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.