5 dicas para aplicar massa corrida

0
29294

Quem nunca teve aquela vontade de reformar a casa, mudar uma coisa ali, fazer uma manutenção aqui e se sentiu inseguro para fazer o reparo sem a ajuda de um profissional? De fato, muitas vezes a manutenção da casa parece um bicho de sete cabeças, mas é só questão de informação para economizar um bom dinheiro com pedreiro e colocar a mão na massa, mesmo que sem experiência. Como tudo na vida tem a sua primeira vez e estes processos são uma questão de prática, consertar uma torneira pingando ou aplicar massa corrida na parede são tarefas distintas, mas igualmente estimulantes para o marinheiro de primeira viagem disposto a realizar pequenas reformas sozinho.

Com as nossas dicas, aplicar massa corrida vai se tornar algo bem mais simples do que você imagina. Saiba como fazer:

Prepare (muito) bem a parede

O segredo para deixar a massa corrida lisinha, sem desníveis na superfície, é a preparação eficaz da parede. Para isso, é necessário caprichar e lixar bastante para depois passar um selador. Paredes internas devem receber massa corrida pura. Já as externas devem ser emassadas com massa acrílica. Em paredes velhas que estejam “esfarelando” ou soltando pedaços, a finalização deve ser realizada com fundo preparador de paredes.

Verifique se a parede não tem buracos ou imperfeições – depois da aplicação, estes defeitos ficam mais aparentes. Reboques com rebarba precisam de uma passada de espátula ou lixa de ferro número 40.

Escolha a ferramenta certa para a aplicação

Espátula, compressor industrial ou desempenadeira: o resultado final depende bastante da escolha da ferramenta para a aplicação da massa corrida. No caso das desempenadeiras, há modelos específicos para diferentes tipos de acabamento e fins, como o nivelamento, alisamento ou decoração da parede. Para o nivelamento, são recomendadas as desempenadeiras lisas, superlisas ou com espuma. Já os acabamentos decorativos pedem modelos para efeito grafiato ou com glaze e gel.

Se você deseja uma ferramenta mais versátil, opte pelas desempenadeiras com função dupla, como as com borracha e as feitas para texturização.

Use luz para corrigir imperfeições

Uma dica que auxilia bastante o processo de aplicar massa corrida é ter uma lâmpada bem próxima enquanto o trabalho é feito, permitindo visualizar os defeitos com mais facilidade. Faça uso da luz em diferentes níveis para se certificar do resultado.

Faça a limpeza do local

Depois de lixar bem a parede, passe uma vassoura para tirar a poeira. A massa demora aproximadamente quatro horas para secar, a depender das condições climáticas. Assim que a massa corrida estiver bem seca, passe um pano seco na parede para limpar e, em seguida, um úmido para tirar a poeira. É importante usar uma máscara durante todo o processo para não respirar a poeira,  nem da parede e nem da massa.

Tenha cuidado na hora da aplicação

Se a massa estiver dura, dilua o material em água até que fique cremoso. Porém, nunca misture água salobra ou cal, já que estes itens estragam a pintura. Quanto à aplicação da massa, você pode escolher fazê-lo vertical ou horizontalmente – o truque é espalhar a massa corrida até um metro e meio, iniciando de onde começou e tirando o excesso até onde você terminou. Faça isso em toda a superfície para deixar o acabamento mais bonito. Este procedimento tapa todos os poros do reboco. Para lugares altos, utilize uma escada ou um andaime.

Reaplique a massa corrida após três minutos e repasse com a desempenadeira para retirar as rebarbas. A segunda demão deve ser passada somente após a primeira ter secado por completo. Para garantir que a parede fique bem lisa, volte a lixar no dia seguinte com uma lixa 220.

E você, gostou das informações? Já havia aplicado massa corrida antes? Apesar de realmente não ser um “bicho de sete cabeças”, o processo requer algum conhecimento prévio e alguns macetes técnicos como os deste artigo. Deixe suas dúvidas e experiências nos comentários e bom trabalho!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria