4 dicas para ampliar os ambientes da sua casa

0
1224

Nem sempre nosso lar pode ser do jeito que sonhamos: às vezes temos que morar em um apartamento quando o que queríamos era uma casa com quintal para as crianças e os animais de estimação; em outros casos a localização não é a ideal ou o espaço é menor do que queríamos. De uma forma ou de outra, acabamos nos adaptando e procurando meios de reverter – ao menos em parte – a situação.

Se o que te insatisfaz na sua casa é o tamanho dela, não se preocupe: há meios eficientes para tornar os ambientes mais amplos sem a necessidade de quebrar ou construir paredes. Pequenos toques na decoração e uma atenção extra na escolha dos móveis são o suficiente para ampliar seus cômodos – aliando esta sensação de amplitude ao bom gosto. Acompanhe nossas dicas!

Use e abuse das cores claras: alternativa que dá certo

Quando pensamos em meios para ampliar os ambientes, a primeira alternativa que vêm à mente de muitos é apostar na cor branca: para paredes, pisos, móveis e até na decoração. E este é mesmo o primeiro passo, uma vez que os tons claros dão a impressão de amplitude e refletem a luminosidade. Além do branco, que valoriza a luz natural, aposte em outros tons frios como off-white, bege e até em tons pastel.

Ambiente clean: atenção às paredes e ao chão

São as paredes e o chão os primeiros itens aos quais você deve se atentar na busca por ambientes que pareçam mais espaçosos. Isso porque eles envolvem todo o cômodo e, assim, limitam o seu espaço. Por isso, além de apostar em tons frios e claros, dê preferência para pisos e tintas com acabamento clean, sem muitos detalhes ou texturas chamativas.

Caso algum ambiente seja muito estreito, uma alternativa é pintar duas paredes paralelas de um tom claro e duas paredes paralelas de um tom escuro.

Continuidade entre ambientes

Ambientes fluidos, sem muitas divisões, são também uma forma de tornar os cômodos mais amplos. Caso seu lar já possua algum ambiente assim, sem paredes que separem, por exemplo, sua sala de estar da sala de jantar, você deu sorte grande!  Mesmo se este não for o seu caso, a dica é a mesma: procure manter um mesmo padrão de paredes, pisos e até estilo dos móveis e decoração. Esta estratégia  proporciona a sensação de continuidade entre os ambientes e, por consequência, de amplitude.

Menos é mais

Em ambientes pequenos, não se esqueça: a organização é a palavra-chave. A poluição visual pode ser uma grande inimiga na busca pela ilusão de espaços mais amplos, por isso, atente-se a essas dicas simples e práticas:

  • Mantenha seus ambientes organizados;

  • Ao escolher móveis, procure por tons que não contrastem com as paredes e chão, pois assim eles não delimitam o espaço (ou seja, darão a impressão de continuidade);

  • Aposte em móveis baixos: desta forma, o ambiente parecerá maior com a limpeza visual;

  • Ambientes bem iluminados dão a impressão de serem mais amplos;

  • Espelhos são uma ótima forma de decorar as paredes sem poluir o ambiente: eles “estendem” os cômodos;

  • Escolha para suas janelas cortinas de material leve e tons claros, para que a luz natural consiga entrar na sua casa;

  • Aposte em um estilo mais clean e minimalista.

Eficientes e fáceis de colocar em prática, as dicas acima farão uma grande diferença em ambientes pequenos que necessitam de um efeito de amplitude. Você já havia apostado em algumas das estratégias que relacionamos para “aumentar” espaços limitados da sua casa? Conte-nos nos comentários!

Casa Show - Guia de pequenos reparos - Parte 1 Alvenaria